CLÍNICA PRÓPRIA | Dr. Marcelo GarzellaDr. Marcelo Garzella
 

CLÍNICA PRÓPRIA

Formado em Medicina pela Universidade Federal de Santa Maria em 1994.

Especialização em Ortopedia e Traumatologia no Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre, finalizada em 1997.

Especialização em Cirurgia da Coluna com Dr. Ernani Abreu no Hospital Ernesto Dornelles durante o ano de 1999. Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia da Coluna Vertebral.

Atualização permanente com o Grupo de Joelho no Complexo Hospitalar Santa Casa de Porto Alegre (Dr.Gustavo Kaempf , Dr. Marcos Wainberg Rodrigues e Dr. Geraldo Schuck), desde 2009.

Atualização permanente com o Grupo Articulare de cirurgia do quadril no Hospital Moinhos de Ventos em Porto Alegre(Dr.Marco Telöken, Dr.Marcus Creastani e Dr.David Gusmão), desde 2009.

  • Trabalha como Ortopedista e Traumatologista há 11 anos na região de Ijuí.
  • Membro do Corpo clínico do Hospital de Caridade e do Hospital Unimed de Ijuí.
  • Atende no seu consultório, na rua Barão do Rio Branco, 53, sala 1, centro em Ijuí.

EXPECTATIVAS REALÍSTICAS DA CIRURGIA

Toda artroplastia tem um “prazo de validade”, um tempo de duração. Mais de 90% dos pacientes tem uma redução drástica da dor, embora seja uma melhora gradual. Como a prótese é “cimentada” você já terá fixação plena e poderá apoiar o membro com 24h da cirurgia. O paciente deve entender o que o procedimento permite e o que não permite fazer. Atividades perigosas: correr, esportes de salto ou com impacto. Atividades recomendadas: caminhar, nadar, dançar, bicicleta, dirigir e subir escadas

QUAIS AS COMPLICAÇÕES POSSÍVEIS, MAIS COMUNS

Embora de baixa incidência, a infecção e o tromboembolismo são os principais riscos. Usamos antibiótico e anticoagulante desde o ato cirúrgico até o momento necessário. Prevenindo Infecção: além dos cuidados médicos ( no bloco cirúrgico, o uso de antibiótico, curativos apropriados e bom manejo clínico do paciente) O PACIENTE deve: avisar o médico sobre “vermelhão” ou calor excessivo no joelho; combater infecções de pele, urina e outras, onde bactérias podem se deslocar pela corrente sanguínea para a prótese; avise seu dentista e use antibiótico antes de tratamentos dentário. Prevenindo tromboembolismo: embora se utilize anticoagulante, este não elimina a possibilidade desta complicação; a mobilização precoce e continuada dos membros inferiores é importante; fique atento para dor ou inchaço extremo na perna (panturrilha) e no pé; se sentir dor no peito e falta de ar súbita, procure assistência médica imediatamente.

CLÍNICA ESPECIALIZADA EM ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA

Sempre procure um bom profissional na hora de fazer sua cirurgia

Copyrights 2017 ® - Marcelo Garzella - Todos os direitos reservados Desenvolvido por